córdoba, Interiores / 5 septiembre 2013

Perpétua

Gerais
QuemAndrea.
OndeBairro Villa Belgrano, Córdoba Capital.
O queCasa de dois cômodos, alugada.
Há quanto4 anos.

A casa e os objetos
ÊxitoNo tem nada comprado em lojas de decoração, nem nada que tenha procurado especialmente. Foi espontâneo. Se mudou mil vezes, e cada vez se desprende das coisas grandes: renova sofás, mesas, cadeiras.
FracassoQuis fazer suas próprias cortinas sem saber costurar e estragou o tecido ideal.
Ainda nãoEssas cortinas continuam sendo uma pendencia, mas agora já sabe como fazer.
IntolerânciaA cor vermelha e as plantas de plástico.
Se fosse delaFaria uma biblioteca de ponta a ponta e de chão ao teto. Todos os livros dela estão guardados no guarda roupas.
Com suas mãosTudo que é de crochê, que aprendeu com o seu avô!
Nunca sobramLençóis, toalhas e infusionadores de chá.
A vida aí
O piorLidar com o pó de Córdoba.
Som atualTony Bennet.
Especialidade culináriaQualquer tipo de omelete.
RelaÇoes
PetsOlivia (3) e Igor (8 meses), cachorros. Negra (14), gata.
PlantasRelação perfeita com as de interior; impossível com as de exterior.
Por que
Anti moda ou moda perpétua. Tem raminhos pendurados da sorte, ninhos caídos, fotos de seus antepassados e mantinhas que ela fez. O desnível com o lar e os bancos de material, beleza.


































Fotos: María Tórtora