Interiores / 18 Noviembre 2010

Casa invadida

Viver onde trabalhamos pode ser um problema. Fichários, papéis e prendedores estão entre as meias e os talheres, e disso ninguém gosta. Mas se o que invade não são artigos de papelaria e sim coisas lindas, o resultado é esta casa.

Ceci vive aqui com sua filha Violeta. E instalou na sala o seu showroom e centro de operações de Violraviol. Mas seus produtos transpassam o limite demarcado e invade cada canto da casa, dando ainda mais cores do que já tem.

Móveis lindos, uma colcha que já deu o que falar, origami, tecidos, fitas e retalhos como decoração estável… tudo é espontâneo e ao mesmo tempo intencional. Pura alegria.

Fotos: María Tórtora