Interiores / 30 septiembre 2010

Trabalho e prazer

Passou pouquíssimo tempo desde que Male se mudou a este apartamento e que lhe surgiu a possibilidade de montar seu próprio estúdio. Como funcionaría aí mesmo, a novidade revolucionou os planos decorativos: parecia que teria mesmo que sacrificar a sala, mas ela não queria! Então, ela teve uma ótima idéia: Tirou as portas de um armário embutido na parede e fez o escritório dentro dele, pintou as estantes e ficou genial.

Enquanto essas mudanças aconteciam, as portas descartadas descansaram sobre o chão da sala, até que em uma de tantas idas e vindas, percebeu que poderia transformá-las em um móvel. Hoje, nem dá pra perceber a sua procedência.

Transaciones efetivas com familiares trouxeram algo mais, cortinas velhas se transformaram em toalhas de mesa, sobras de tecido estofaram uma cadeira, e seu estilo super organizado permite receber clientes confortavelmente.

Fotos: María Tórtora